Mostrando postagens com marcador ecbahia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ecbahia. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 31 de julho de 2015

SUB-20: Veja os gols de Vitória 2 x 1 Bahia no Barradão

Comentários
Com gols de Rafaelson e Nickson, o Vitória venceu o Ba-Vi por 2 a 1 pelo Brasileiro Sub-20, em jogo realizado no Barradão, na noite desta quinta-feira. Sávio descontou para o Bahia batendo falta. Com o resultado, o Cruzeiro com seis pontos segue na liderança, o Vitória também com a mesma quantidade de pontos é o segundo desamparado pelo critério de saldo de gols. Ponte Preta e Bahia seguem na lanterna cada um com três pontos. Na próxima rodada que acontece na próxima quinta-feira, teremos outro BA-VI, desta vez no Estádio Metropolitano de Pituaçu.

Veja os melhores momentos

quinta-feira, 30 de julho de 2015

Brasileiro SUB-20: Vitória derrota o Bahia no Barradão

Comentários
Jogando hoje à noite no Estádio Manoel Barradas Carneiro pelo Campeonato Brasileiro da categoria SUB-20, o Esporte Clube Vitória venceu o Bahia pelo placar de 2 x 1, com Rafaelson e Nickson marcando para o Leão. Sávio descontou para o Bahia batendo falta. O primeiro tempo o Bahia foi melhor. perdeu algumas oportunidades claras com o atacante Jeam que não aproveitou e tricolor acabou sendo castigado na etapa complementar. 

No segundo tempo ainda sem mostrar qualquer superioridade e sim muita eficiência, o Vitória fez 1 x o, a partir daí, controlou as ações e impediu qualquer reação do Bahia, isto até os 31 minutos, quando com Sávio bate falta empata o jogo, no entanto, quando a partida parecia caminhar para um empate que seria ruim para ambas as equipes, Nickson faz o segundo e dá o triunfo do Leão e impõe a segunda derrota do Bahia na competição, mas, no entanto, ainda se mantém com chance de classificação.

Com o resultado, o Cruzeiro com seis pontos segue na liderança, o Vitória também com a mesma quantidade de pontos é o segundo desamparado pelo critério de saldo de gols. Ponte Preta e Bahia seguem na lanterna cada um com três pontos. Na próxima rodada que acontece na próxima quinta-feira, teremos outro BA-VI, nesta vez no Estádio Metropolitano de Pituaçu.

ABC praticamente definido para enfrentar o Bahia

Comentários
O Esporte Clube Bahia buscando quebrar uma seqüência de três jogos sem triunfo e tentando recuperar as posições perdida enfrenta nesta sexta-feira, o ABC no Estádio Frasqueirão. O adversário tem 16 pontos e ocupa a 16ª posição na Série B do Campeonato Brasileiro e tem uma marca negativa atuando em casa, onde não venceu uma única partida diante dos seus torcedores na atual temporada da Série B 

Para a partida, o técnico do ABC, Toninho Cecílio, confirmou nesta quinta-feira que não contará com o atacante Rafael Oliveira para o confronto com o Bahia. O jogador está entregue ao departamento médico.

O ABC treinou hoje à tarde e está com o time praticamente definido para enfrentar o Bahia. A maior novidade, é a presença do atacante Rafinha, que treinou na vaga de Kayke e deve começar o jogo. Marcílio, que ficou de fora da última partida por suspensão, assumiu a vaga na lateral-esquerda.

Equipe que treinou: Saulo; Reginaldo, Suéliton, Leonardo Luis, Marcílio; Fábio Bahia, Neto, Wellington Bruno; Fabinho Alves, Rafinha e Edno. Novamente Toninho armou o ABC com 3 atacantes, assim como foi contra o Ceará, só que dessa vez, Edno jogará de centroavante, mais avançado, e Wellington será o responsável pela armação das jogadas.

Jogo do Bahia contra o América-MG muda de data

Comentários
A CBF mudou de sexta (21/8) para sábado (22/8) o dia do jogo Bahia x América-MG, pela 20ª rodada da Série B. O horário (21h) e o local (Fonte Nova) foram mantidos. O objetivo é "preservar o intervalo regulamentar" entre esta partida e a estreia tricolor na Copa Sul-Americana, contra o Sport, no dia 19 (quarta), também na Fonte Nova. 

Novo zagueiro do Bahia, regularizado já pode estrear

Comentários
O zagueiro Gabriel Valongo no reforço do Esporte Clube Bahia já teve o contrato publicado no BID (Boletim Informativo Diário) da CBF, está regularizado e se torna mais uma opção para o técnico Sérgio Soares já para esta sexta-feira quando o Bahia enfrenta o ABC pela décima sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

ABC x Bahia: jogo com cara e jeito de 0 x 0

Comentários
O Esporte Clube Bahia completamente “escorregado” para a sétima posição do Campeonato Brasileiro da Série B após, empatar em casa com o Botafogo e perder para Criciúma e Santa Cruz fora de casa, encara nesta sexta-feira, às 21h50 o ABC no Estádio Frasqueirão em jogo que abre a décima sexta rodada da competição.

Resultado do jogo, é verdade, apenas após os 90 minutos, no entanto, pelo retrospecto das duas equipes, é possível arriscar que este jogo tem cara e jeito de 0 x 0, já que o Bahia é um péssimo visitante e quando pula o cercado apanha, e o adversário do Rio Grande do Norte, faz a via contrária, ou seja, é uma mãe jogando no seu estádio.

O ABC no atual Campeonato, foi derrotado em sete oportunidades, sendo que em 5, atuando diante da sua torcida. Venceram quatro partidas, todas em campos dos adversários. Portanto, o duelo entre aquele que não vence fora. contra aquele que não vence dentro de casa, é natural que se espere um 0 x 0 quando não horroroso certamente sonolento pela falta de autoridade de um somado com a covardia do outro.

Gaúcho apita ABC x Bahia no Estádio Frasqueirão

Comentários
ABC x Bahia abre os jogos da décima sexta rodada do Campeonato Brasileiro da Série B que ainda terá os confrontos entre Boa x Criciúma e Paysandu e Mogi Mirim. A partida do Bahia no Estádio Frasqueirão, já tem o trio de arbitragem definido. Será composto pelo gaúcho Roger Goulart como arbitro central. Ele terá como auxiliares, os cearenses Marcione Mardonio da Silva Ribeiro e Renan Aguiar da Costa.

quarta-feira, 29 de julho de 2015

Emprestado pelo Bahia, goleiro lidera ranking da Série A

Comentários
Dono absoluto da camisa 1 tricolor de 2011 a 2014, Marcelo Lomba deixou o Bahia no início da temporada muito contestado após as inúmeras falhas que culminaram com o rebaixamento tricolor para Série B. O destino foi a Ponte Preta, onde vai se destacando, inclusive, lidera o ranking geral do Campeonato Brasileiro da Série A com média de 6,93, à frente dos atacantes Thiago Ribeiro, do Atlético-MG, e André, do Sport, ambos com 6,81.

Além disso, o "paredão" é o melhor goleiro da Série A até o momento, de acordo com o Troféu Armando Nogueira, do portal globoesporte.com. Com um dos maiores salários do elenco na época, Lomba foi emprestado pelo Bahia ao clube paulista até o fim da temporada. O contrato com o Esquadrão vai até o fim de 2017.

Sem opções, Soares convoca lateral-esquerdo do sub-20

Comentários
O lateral-esquerdo Marlon, titular contra o Santa Cruz, foi liberado pelo Bahia para acompanhar o enterro da avó e por isso não enfrenta o ABC. Patric, por opção técnica, não viajou com a delegação. Ávine está realizando um trabalho físico especial, enquanto o volante Bruno Paulista, que poderia ser improvisado, está entregue ao departamento médico.

Com tantos desfalques, foi o jeito buscar uma solução na divisão de base. Diante disso, o lateral Vitor, que treina normalmente com o elenco profissional, e foi titular do time sub-20 no triunfo sobre a Ponte Preta, viajou para Recife e vai integrar o grupo de atletas que enfrenta o ABC. O lateral-esquerdo pode ganhar a primeira chance como titular do time principal.

Seria Sérgio Soares um treinador "pé frio"?

Comentários
O Bahia vive um drama velado. Da eliminação na Copa do Brasil a queda de rendimento na Série B, tudo pode virar de cabeça para baixo com mais um tropeço, se é que não já virou. Por mais que eu queira ir de encontro com a verdade e não concorde com mudanças nesse momento do campeonato, é visível que o técnico Sérgio Soares perdeu o comando do grupo e sua demissão pode ser mais uma no natural processo de troca de clico que está inserido no futebol brasileiro. 

Soares não é o principal culpado, mas tem sua parcela de culpa. A verdade é que o treinador não consegue mais extrair o bom futebol que o time vinha apresentando no início da temporada, a cada rodada é uma escalação diferente. Perdemos a identidade. Porém, não acho que uma troca de comando seria benéfica. Até porque não acredito em duendes, papai noel e treinador mágico. Talvez até mudasse um pouco o ambiente que parece estar meio desgastado e trouxesse uma motivação extra. Mas depois tudo voltaria a andar dentro da normalidade. Não presenciamos, nem vivemos o dia-a-dia e por isso não temos a ideia do que é um ambiente de grupo de futebol, com ego, treino, pressão, mídia, cobrança por resultados à curto prazo, interesses dos empresários, etc. Não é o BBB, mas o desgaste é muito forte. 

Já elogiei bastante Sérgio Soares, e ainda o considero um bom treinador, mas não seria ele um "pé frio"? Vejamos: Em 2013, sob o comando do Ceará, ficou em 5º na Segundona, e por 1 ponto não garantiu o acesso à Primeira Divisão. Em 2014, ganhou o campeonato cearense e chegou a final do Nordestão sendo derrotado pelo Sport. Foi demitido na metade da Série B após os maus resultados. Com o Bahia, um título baiano e mais um vice-campeonato do nordeste, justamente contra seu ex-clube. Prefiro acreditar que as semelhanças sejam meras coincidências, mas é inevitável que se não houver uma mudança radical na atitude do grupo, o professor repetirá o feito e confirmará a fama de pé frio. Acorda, Bahêa!

Fellipe Costa  

Bahia incorpora Rômulo para o jogo contra o ABC

Comentários
Após a derrota para o Santa Cruz, o elenco tricolor permanecerá o Recife até quinta-feira (30), preparando-se para o jogo contra o ABC, que será disputado na sexta (31), em Natal. Para essa partida, o Tricolor não contará com o lateral Adriano, que saiu machucado, sentindo fortes dores no músculo posterior da coxa esquerda. O atleta já retornou a Salvador e será avaliado pelo DM do Bahia.

O lateral esquerdo Marlon também desfalcará o Esquadrão, já que foi liberado para acompanhar o sepultamento da sua avó. Em seu lugar, o lateral Vitor, formado na base tricolor, será incorporado ao grupo.

As boas notícias são os retornos do zagueiro Robson, que cumpriu suspensão na última rodada, e do meia Rômulo, que voltou da seleção brasileira sub-20, pela qual conquistou a medalha do bronze no Pan.

O Esporte Clube Bahia virou um time FROUXO.....

Comentários
Sei que não faltará quem ainda considere o futebol que o Baêa vem apresentando normal, utilizam-se da justificativa de que o tricolor encontra-se brigando na frente da tabela, mesmo assim adianto que o desabafo não é determinante pela derrota para um time decadente como o do Santa Cruz, minha desesperança a cada dia vem ganhando corpo, sobretudo pela FROUXIDÃO que a equipe vem apresentando em campo. Marlon, Tiago Real, Eduardo, Maxi e Kieza, foram as mais significativas peças dessa inoperância de momento, deles o Kieza ganha o troféu VAMPIRO disparado de todos, a cigana deve ter dito que ele é uma estrela daquelas que jogam na EUROPA, o nosso bom atacante possivelmente acreditou e agora só joga de sapato alto.

Urge deixar claro que não desconheço as qualidades de alguns jogadores citados, mas o que eles apresentaram e alguns vem apresentando já algum tempo, na realidade não contribuem em quase nada para o objetivo da equipe.

Amigos tricolores, vem sendo recorrente nos últimos jogos o que aconteceu ontem quando perdemos quase todos lances na dividida, já algum tempo a MOLEZA tomou conta dos nossos jogadores em campo, nesse último jogo com exceção dos dois zagueiros e também do Yure, todos os outros jogaram com canela de vidro, parecendo que estavam participando de coletivo no Fazendão, inexiste uma postura normativa de determinação, a sensação é que os atletas tricolores já entram sonolentos e administrando a condição física para poder aguentar até o final do jogo.

Acredito que falta cobrança dos comandantes, pois para jogar no BAÊA, pelo menos o ESQUADRÃO DE AÇO que nasceu pra vencer, que sempre amei e que jamais perdia um jogo de forma passiva, só serve se for sempre no LIMITE, pode até em determinados momentos faltar técnica, mas NUNCA vontade, compromisso com o triunfo e respeito a torcida.

Sei que NÃO ganharemos sempre, mas mesmo nas derrotas que no MÍNIMO tenha DETERMINAÇÃO, VONTADE DE VENCER e, sobretudo RESPEITO ao manto tricolor....

Lourival Leal DE Paulo torcedor do Bahia e amigo do BLOG

terça-feira, 28 de julho de 2015

ACORDA, PORRA! Santa Cruz 3x1 Bahia

Comentários

Tá na hora de dar um sacode no Bahia. São 5 jogos de insucessos. Derrotas para Criciúma, Paysandu, triunfo pro Papão (com eliminação), empate contra o Botafogo e derrota pro Santa Cruz. 

Sérgio Soares vem fazendo uma coisa que eu não consigo entender. Essa mania de "não temos 11 titulares" é de uma falta de coerência absurda. Os treinadores vivem falando que os jogadores precisam jogar juntos pra "pegar liga" e o treinador do Bahia vai de encontro a essa máxima. 

A ausência de Titi é sentida de forma acintosa. Contra o Paysandu, o primeiro gol lá foi em cima de uma jogada pela esquerda, nas costas do lateral, onde a cobertura de Titi (sempre estava ali) fez falta. Contra o Botafogo, nova jogada nas costas do lateral, dessa vez, Ávine, e gol dos caras. Contra o Santa Cruz tomamos 3 gols com jogadas pela esquerda. Será que ninguém avisa isso ao Sérgio?

Contra o líder Botafogo, o Bahia jogou bem, e por pouco não venceu. Aí contra o Santa Cruz ele tira a formação que deu certo e muda pra um 4-4-2, sem Ávine. Depois, no desespero quando já está atrás do placar, coloca o terceiro atacante já no finzinho. Aí a vaca já tinha ido pro brejo.
Qual será o time pra o jogo contra o ABC? Já não sabemos. 

No primeiro semestre, quando o Bahia fez uma excelente temporada, a Torcida sabia de cor a formação. Jean, Tony, Titi, Robson e Yuri (Patric). Pittoni, Thiago Real, Souza. Kieza, Maxi e Gamalho. Hoje cada jogo tem um time diferente. Coincidentemente, desde a saída de Pittoni o Tricolor caiu e muito. A sorte (ou azar) é que tá tudo embolado. E apesar de praticamente não pontuar nos últimos 3 jogos pela série b, o Tricolor ainda continua a apenas 2 pontos do VICE, que por coincidência, é o time de Canabrava.


Bora Baêa Minha Porra! Espero que a oscilação pra baixo no campeonato, que alguns times tem, sejam esses três jogos, com 1 ponto somado apenas. Contra o ABC precisamos vencer de qualquer jeito, pra compensar os pontos perdidos contra o Botafogo.

Santa Cruz 3 x 1 Bahia: Técnico Sérgio Soares explica

Comentários
O técnico Sérgio Soares já não é unanimidade entre os torcedores do Bahia e hoje acumulou outro resultado negativo ao perder para o Santa Cruz pelo placar de 3 x 1, em um noite que até não jogou mal, como aconteceu contra o Criciúma, por exemplo. Depois do jogo, o técnico entrevista coletiva, falou sobre desempenho do Bahia.
Veja

Santa Cruz 3x1 Bahia: Erros simétricos e o castigo!

Comentários
Quando entra em campo, o Bahia parece repetir um ritual com roteiro bastante conhecido. Cria muitas chances de gol, mas esbarra na falta de eficiência do setor de ataque. É inacreditável a quantidade de gols perdidos, parece que o time tem um alvará para perder gol. E não foi diferente essa noite em Recife, os mesmos erros se repetiram, quando entramos em campo para tentar apagar a fama de time "caseiro". Porém, esqueceram de avisar os atacantes do tricolor baiano e o goleiro Tiago Cardoso.

O Bahia começou levando uma pressão do Santa Cruz que se aproveitava da sonolência defensiva do tricolor, principalmente dos erros na saída de bola. Aos 3 minutos, Douglas Pires foi o primeiro a trabalhar na partida em chute de fora da área. Quando o Esquadrão resolveu tocar mais a bola ao invés de rifá-la, passou a tomar conta do jogo e por muito pouco não abriu o placar após cabeçada à queima-roupa de Kieza defendida por Tiago Cardoso que na sequência fez outro "milagre" em chute do meia Eduardo.

Quando mandávamos no jogo, a zaga resolve colaborar com os donos da casa. Chute de fora da área, a bola resvalou na defesa tricolor que parou no lance e sobrou livre para Luisinho. O meia dominou e cruzou na pequena área para Anderson Aquino, sem marcação, só teve o trabalho de empurrar para as redes. A reação foi imediata, e dois minutos depois o zagueiro Thales aproveitou cruzamento do meia Eduardo para empatar a partida. 1x1.

O goleiro Tiago Cardoso, grande nome do jogo, seguiu praticando milagres na segunda etapa. Em apenas 10 minutos, foram duas excelentes defesas em chutes de Marlon e Souza, e ainda contou com ajuda da trave. E como diria aquele velho ditado, quem não faz.. Aos 18 minutos, outra bobeira da defesa do Bahia, e o incansável Lelê, que deu uma canseira na defesa tricolor com um fôlego "dozinfernus", roubou a bola e serviu Luisinho que, cara a cara com Douglas, mandou lá onde dorme coruja, sem chances para o goleirão. 2x1. 

O técnico Sérgio Soares esperou tomar o segundo gol para sacar o meia Eduardo, apagado e pouco produtivo em campo. O Bahia foi para o tudo ou nada com João Paulo e Alexandro, e ficou no nada, pelo menos para o Esquadrão, porque o Santa ainda fez mais um. Em contra-ataque rápido, Renatinho aproveitou a avenida na defesa e serviu Luisinho, que estufou as redes e bateu o último prego no caixão tricolor. 3x1. 

Uma noite em que tudo deu errado. O meia Eduardo, que na teoria seria o responsável pela armação, não correspondeu na prática e desapareceu em campo. A dupla de artilheiros Maxi e Kieza totalmente fora de sintonia, assim como a dupla de zaga, batendo cabeça a todo momento. Para quem acreditava que Jaílton daria conta do recado, está aí o resultado. Ruim com Titi, pior sem Titi. Agora é focar no ABC, outro confronto fora de casa, e outra previsão de muita sofrência.  

Melhores momentos de Santa Cruz 3 x 1 Bahia

Comentários
Jogando no Estádio do Arruda, o Bahia manteve o habito: saiu toma porrada, desta vez foi vitima do Santa Cruz que mesmo não tendo uma grande equipe, venceu o Bahia pelo placar de 3 x 1. Com o resultado, o Bahia caiu para a sétima posição, enquanto o Santa Cruz se manteve em nono lugar. Na próxima sexta (31), o Esquadrão vai até Natal, onde enfrenta o ABC, às 21h30, no Frasqueirão.

Veja os melhores momentos 

Tricolor perde outra fora: Santa Cruz 3 x 1 Bahia

Comentários
Mesmo fazendo uma boa partida e sendo melhor que o adversário boa parte do jogo, especialmente no segundo tempo, o Esporte Clube Bahia repetiu hoje à noite, o que já virou um hábito: não vencer fora de casa, quando perdeu para o Santa Cruz hoje à noite no Estádio do Arruda pelo placar de 2 x 1 em uma partida que tomou o primeiro gol em uma jogada despretensiosa do time pernambucano, após um chute de fora da área, que desviou na defesa, sobrou para Luisinho na direita que cruza rasteiro para Anderson Aquino abrir o placar em um momento que só dava o Bahia.

O tricolor de aço, ainda empatou o jogo com o zagueiro Thales, escorando de cabeça escanteio cobrado por Eduardo. No segundo tempo, o tricolor novamente esteve melhor, criou boas oportunidades, colocou bola na trave, MAS outra vez foi o Santa Cruz que fez o segundo com Luisinho que colocou o Santa Cruz na frente aos 19 minutos e aos 48 fez o segundo, placar que persistiu até final.

Resultado ruim, já que todos os adversários a frente da tabela quando não perderam, empataram seus jogos e o triunfo do Bahia lhe conduziria para a vice liderança da competição, em lugar disso, o Bahia caiu para a sétima posição sendo ultrapassado pelo Paysandu. Está foi à terceira partida do Bahia sem triunfos, sendo duas derrotas e um empate dentro de casa em um indicio de plena decadência técnica

O novo compromisso do Esporte Clube Bahia acontece nesta sexta-feira, sem descanso o time embarca para o Rio Grande do Norte e já nesta sexta-feira enfrenta no Estádio Frasqueirão, em Natal, o ABC em partida agendada para acontecer às 21h30.

Veja os gols de Santa Cruz 3 x 1 Bahia pela Serie B

Comentários
Três jogos, apenas 1 um ponto, o que era antes terceiro lugar, agora é o sétimo, este é o Esporte Clube Bahia do agora. Hoje à noite, o tricolor de aço, perdeu de 3 x 1 para o Santa Cruz pelo placar de 3 x 1. Luizinho duas vezes e Anderson Aquino marcaram para o Bahia, Thales para o Bahia

O novo compromisso do Esporte Clube Bahia acontece nesta sexta-feira, sem descanso o time embarca para o Rio Grande do Norte e já nesta sexta-feira enfrenta no Estádio Frasqueirão, em Natal, o ABC em partida agendada para acontecer às 21h30.

Veja os gols

Santa Cruz 3 x 1 Bahia - tricolor de aço cai na tabela

Comentários
Quando entra em campo, o Bahia parece repetir um ritual com roteiro bastante conhecido. Cria muitas chances de gol, mas esbarra na falta de eficiência do setor de ataque. É inacreditável a quantidade de gols perdidos, parece que o time tem um alvará para perder gol. E não foi diferente essa noite em Recife, os mesmos erros se repetiram, quando entramos em campo para tentar apagar a fama de time "caseiro". Porém, esqueceram de avisar os atacantes do tricolor baiano e o goleiro Tiago Cardoso.

O Bahia começou levando uma pressão do Santa Cruz que se aproveitava da sonolência defensiva do tricolor, principalmente dos erros na saída de bola. Aos 3 minutos, Douglas Pires foi o primeiro a trabalhar na partida em chute de fora da área. Quando o Esquadrão resolveu tocar mais a bola ao invés de rifá-la, passou a tomar conta do jogo e por muito pouco não abriu o placar após cabeçada à queima-roupa de Kieza defendida por Tiago Cardoso que na sequência fez outro "milagre" em chute do meia Eduardo.

Quando mandávamos no jogo, a zaga resolve colaborar com os donos da casa. Chute de fora da área, a bola resvalou na defesa tricolor que parou no lance e sobrou livre para Luisinho. O meia dominou e cruzou na pequena área para Anderson Aquino, sem marcação, só teve o trabalho de empurrar para as redes. A reação foi imediata, e dois minutos depois o zagueiro Thales aproveitou cruzamento do meia Eduardo para empatar a partida. 1x1.

O goleiro Tiago Cardoso, grande nome do jogo, seguiu praticando milagres na segunda etapa. Em apenas 10 minutos, foram duas excelentes defesas em chutes de Marlon e Souza, e ainda contou com ajuda da trave. E como diria aquele velho ditado, quem não faz.. Aos 18 minutos, outra bobeira da defesa do Bahia, e o incansável Lelê, que deu uma canseira na defesa tricolor com um fôlego "dozinfernus", roubou a bola e serviu Luisinho que, cara a cara com Douglas, mandou lá onde dorme coruja, sem chances para o goleirão. 2x1. 

O técnico Sérgio Soares esperou tomar o segundo gol para sacar o meia Eduardo, apagado e pouco produtivo em campo. O Bahia foi para o tudo ou nada com João Paulo e Alexandro, e ficou no nada, pelo menos para o Esquadrão, porque o Santa ainda fez mais um. Em contra-ataque rápido, Renatinho aproveitou a avenida na defesa e serviu Luisinho, que estufou as redes e bateu o último prego no caixão tricolor. 3x1. 

Uma noite em que tudo deu errado. O meia Eduardo, que na teoria seria o responsável pela armação, não correspondeu na prática e desapareceu em campo. A dupla de artilheiros Maxi e Kieza totalmente fora de sintonia, assim como a dupla de zaga, batendo cabeça a todo momento. Para quem acreditava que Jaílton daria conta do recado, está aí o resultado. Ruim com Titi, pior sem Titi. Agora é focar no ABC, outro confronto fora de casa, e outra previsão de muita sofrência.  

Santa Cruz x Bahia, tricolor escalado para o jogo

Comentários
Daqui a pouco o Esporte Clube Bahia encara o Santa Cruz pela décima quinta rodada do Brasileiro da Série B. Para o jogo, o tricolor não contará com o zagueiro Robson suspenso e Ávine poupado. O técnico Sérgio Soares acabou de divulgar os substitutos e o time que enfrenta o Santa Cruz às 19h30 no Estádio do Arruda.

O time é este