Mostrando postagens com marcador ecbahia. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador ecbahia. Mostrar todas as postagens

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Torcedores do Bahia merecem e exigem respeito

Comentários
Já fiz inúmeros elogios ao nosso competentíssimo presidente Marcelo Santana, mas agora tenho que criticá-lo, sobretudo por perceber que não sabe assimilar contestações.

Concordo quando destaca negativamente algumas ações extemporâneas de grupos de torcedores despreparados para conviver em ambientes civilizados, já que não vejo necessidade de tanto DESESPERO e consequentemente de agressões verbais, uma vez que corre-se o risco de originar uma devastadora CRISE. Não sejamos instrumentos daqueles que querem destruir o Baêa, que de alguma forma nutrem-se de mágoas ou interesses escusos para prejudica-lo.

Contrapartida, urge que o nosso mandatário maior exija que funcionários do clube, incluindo ELE e os JOGADORES do Baêa, RESPEITEM A TORCIDA, especialmente quando estiverem manifestando-se democraticamente e, sobretudo verbalmente das arquibancadas, independente de que concordemos ou não com as reclamações.

O profissional de futebol é bem pago para se exibir nos palcos esportivos e encontram-se cônscios das conseqüências dessa relação, que oscilam entre ACLAMAÇÕES e VAIAS em questão de minutos, infelizmente essa é uma REALIDADE do contexto. Kieza extrapolou dando até dedo para a torcida, isso foi presenciado por muitos, outros reagiram de maneira agressiva, mas não tão descontrolada. Exigimos RESPEITO e o mínimo que esperamos do grande presidente é uma atitude DURA diante dos seus comandados e uma RETRAÇÃO pública do acontecido.....

Lourival Leal DE Paulo – Torcedor do Bahia e amigo do BLOG
 

Bahia continua dono do melhor ataque do Brasil em 2015

Comentários
Apesar das constantes críticas ao time, o Bahia continua tendo o melhor ataque do Brasil na temporada, com 90 gols marcados, despontando no primeiro lugar dos setores ofensivos, contabilizando todas as divisões (A, B, C e D). Atrás do Esquadrão, vem Sport (86), Botafogo (83), América-RN (82) e Ceará (81).

Dos 90 gols marcados pelo Bahia, 55 foram de atacantes, 25 de meio-campistas, 8 de zagueiros , 2 de laterais e 1 contra. Destes, 16 tentos foram de cabeça, 48 de perna direita e 26 de perna esquerda. Em oito meses ou 54 jogos, o time já superou o número de gols de 2013 e 2014. Dos tentos anotados pelo Tricolor, 61 foram feitos dentro de casa, o que dá uma média de 2,2 gols por jogo. Na Série B do Brasileirão, o Bahia tem o 2º melhor ataque, com 32 gols.

Paraná Club terá poucas mudanças contra o Bahia

Comentários
O Esporte Clube Bahia encara nesta sexta-feira o Paraná Club em um dos jogos que abrem as 23ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O adversário, com 29 pontos é o 11º colocado e vem de dois triunfos consecutivos ao vencer o Santa Cruz por 3 x 2 em casa e Boa Esporte 2 x 1 em Minas Gerais. Para o jogo, o técnico Fernando Diniz deve fazer, pelo menos, uma mudança na equipe do Paraná que encara o tricolor de aço. De volta após cumprir suspensão, o zagueiro Luciano Castán deve reassumir a vaga no lugar de Anderson Uchôa, que jogou improvisado na defesa contra o Boa Esporte.

Além disso, Diniz conta com o retorno do atacante Guga. O jogador, que ficou de fora na última rodada, tenta recuperar a vaga entre os titulares. Contra o Boa, Diniz optou pela entrada do meia Gustavo Sauer.

O provável Paraná para encarar o Bahia é formado por Felipe Alves; Ricardinho, Luiz Felipe, Luciano Castán e Rafael Carioca; Fernandes, Rafael Costa, Danielzinho e Gustavo Sauer (Guga); Henrique e Carlão.

Bahia quer jogar também aos Domingos às 11h

Comentários
O Campeonato Brasileiro da Série B assim como assim como acontece com o Campeonato da primeira divisão, já teve dois jogos disputados aos Domingo, no entanto, era uma necessidade de ajustes de prazos para Paysandu e Ceará que disputam na ocasião a Copa do Brasil e pelo menos no jogo entre Botafogo 2 x 3 Paysandu foi um sucesso, 23 mil pagantes na derrota do Botafogo-RJ. Depois disso, buscando um custo operacional menor e seduzidos pelo sucesso das 'matinês', os clubes da Série B também querem os domingos como data regular para os jogos da divisão.

Nesta linha de pensamento, segundo o site da GLOBO o presidente do Bahia, Marcelo Sant'anna, esteve nesta semana no Rio, reunido com o diretor de competições da CBF, Manoel Flores, e propôs que uma partida de cada rodada seja disputada às 11h ( a matéria afirma sábado, no entanto, acredito que por erro). Ainda segundo a publicação, a CBF vai avaliar a possibilidade.

Vídeo dos bastidores de Bahia 3 x 2 CRB na Fonte Nova

Comentários
Na raça, na tora, Bahia arrancou uma vitória que parecia fácil no início e improvável até o último minuto da partida. Depois de abrir 2 a 0 sobre o CRB com dois gols de Kieza, o time cedeu o empate aos 41 minutos do segundo tempo. Mas aos 49 minutos, Gustavo Blanco acertou um chute rasteiro e deu o triunfo ao tricolor que assim, voltou ao G4 e nesta sexta-feira defesa essa posição contra o Paraná Club. Ontem, o clube publicou o vídeo contando como foi os bastidores da importante vitória tricolor.

Veja

Bahia ainda indefinido para o jogo contra o Paraná

Comentários
Depois de vencer o CRB e voltar ao G4, o elenco do Bahia quer se manter no grupo do quatro melhores da Série B, mas para isso, terá que superar o Paraná Clube, jogando lá em Curitiba, na próxima sexta-feira (04). O Bahia é o 4º colocado, com 38 pontos ganhos, a 01 ponto do líder Botafogo, que tem um confronto direto com o Esporte Clube Vitória.

Pensando na partida contra o Paraná, o elenco tricolor realizou o último treino, antes da viagem para Curitiba. Na atividade da manhã desta quinta-feira (03), o técnico Sérgio Soares comandou um coletivo tático, testando a provável equipe que iniciará a partida de amanhã.

O treinador também dedicou boa parte do treino para o ensaio de cobranças de faltas e escanteios, defensivas e ofensivas. O Esquadrão não tem nenhum desfalque por suspensão e ainda conta com o retorno do volante Souza, que ficou de fora da partida contra o CRB.

O zagueiro Thales, com uma entorse no tornozelo e o meia Tiago Real, com dores no joelho direito, são dúvidas para o confronto na capital paranaense. O lateral Cicinho, que treinou com bola ontem e hoje, ainda não tem presença garantida na lista de concentrados. A delegação tricolor embarca para Curitiba no final da tarde de hoje.

Zagueiro do Atlético-PR é especulado no Bahia

Comentários
Que o Bahia precisa de reforços especialmente defensivo ninguém tem dúvida. A dupla de zaga hoje formada com Thales e Jailton está muito longe daquilo que pode ser considerada como próximo do ideal para um clube que pretende obter o acesso. Seguramente o Bahia está trabalhando neste sentido e por isto nomes entram na lista dos especulados e um deles é o zagueiro Gustavo de 33 anos hoje no banco do Atlético-PR. O jogador tem um vasto currículo, já atuou, Goiás, Ponte Preta, CRB, Palmeiras, Cruzeiro, Vasco, Lecce-ITA, Botafogo, Portuguesa, e Paraná.

Vídeo da entrevista do Presidente Marcelo Sant'ana

Comentários
O Esporte Clube Bahia depois do CRB tem o Paraná pela frente, agora fora de casa. Para o jogo, o técnico Sérgio Soares poderá contar com o retorno de Souza O volante ficou fora do triunfo por 3 a 2 diante o CRB na terça, 1º, para cumprir suspensão pelo acúmulo de cartões amarelos e foi substituído por Rômulo. Além disso, o treinador terá mais duas opções para a lateral direita. Recuperados de suas respectivas lesões, Railan e Cicinho treinaram normalmente nesta quarta, 2, no Fazendão, e se juntam a Hayner como opções.

Ontem o presidente do Bahia, sensivelmente aborrecido reclamou do comportamento da torcida do Bahia na vitória diante do CRB. Fez um pequeno balanço e avanço do clube na sua gestão e diz não entender tamanha insatisfação

Veja o vídeo.

quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Marcelo Sant'Ana solta o verbo e repudia atitude da torcida

Comentários
A partida entre Bahia e CRB terminou, mas as polêmicas pós jogo continuam repercutindo entre torcedores, jogadores, diretoria e imprensa. Tudo se deve a um fato totalmente atípico que ocorreu após o apito final. Conhecida por apoiar o time nos momentos bons e ruins, a Nação Tricolor se voltou contra o técnico Sérgio Soares e os jogadores após o término do jogo, mesmo com o triunfo por 3 a 2 conquistado nos minutos finais, que manteve o treinador um pouco mais "firme" no comando. 

O presidente do Bahia, Marcelo Sant'Ana, veio a público e soltou o verbo nesta quarta-feira, na sala de imprensa. O mandatário comentou a reação exagerada dos jogadores após o terceiro gol e o comportamento explosivo dos torcedores. Além das polêmicas após o término da partida, Marcelo também falou sobre as confusões no decorrer do jogo, disse não entender a ira da torcida, prometeu reforços, defendeu técnico Sérgio Soares e afirmou que deve anunciar um novo jogador até sexta.

VEJA A ENTREVISTA COMPLETA:

Num jogo de extremos o Bahia voltou!

Comentários
Ontem, a torcida do Bahia viveu momentos de agonia e êxtase em poucos minutos. Do gol de empate do CRB até o gol da vitória do tricolor foram apenas 6 minutos; o gol do empate alagoano ocorreu aos 42 minutos e o Bahia fez o gol do triunfo aos 48, todos na etapa final do jogo. Esses 6 minutos, porém, pareceram uma eternidade. 

A torcida sofria com a queda de rendimento do time, que tomava uma pressão do time alagoano. E quando menos esperava, via o resultado do jogo favorável ao tricolor desaparecer com o empate do CRB. A agonia foi profunda, pois nos últimos 4 jogos o Esquadrão deixou vitórias escaparem. 

Não havia como apaziguar ânimos nesses 6 minutos com tanta decepção com o time que aplicou uma goleada na final do campeonato baiano e que foi vice-campeão do NE. A torcida vaiou, pediu a demissão de Sérgio Soares, xingou e bradou forte, embora tivesse na Fonte poucos admiradores. O gritos dos torcedores parecia ecoar em toda a Bahia.

O Bahia que começou bem o jogo, conquistou a simpatia da torcida no início do jogo, mas numa queda de rendimento assustadora no segundo-tempo quase o entra numa crise mais profunda com a demissão do seu técnico. O tricolor que ainda vivi uma crise, pois a torcida do Bahia tem sofrido muito com um time que não apresenta nenhuma consistência na defesa quando as bolas são cruzadas dentro de sua área.

Hoje, porém, a torcida aliviada viu a tristeza de mais um empate passar muito perto do Esquadrão, mas que o gol salvador de Blanco ressucitou aos 48 minutos do tempo final um time que não consegue manter um resultado. Um ressucitamento que custou muito sofrimento a torcida e que quase nos sufoca de angústia. 

O êxtase que veio com o gol de Blanco foi uma espécie de loucura sofrida, uma angústia de uma intensidade que vai da tristeza a euforia em tão pouco tempo não pode ser demensionada totalmente no momento, e as emoções continuaram a flor da pele até o apito final; esse sentimento da torcida e jogadores ao se estranharem ontem foi normal para atletas e torcedores que querem o melhor para o Esquadrão.

A imprensa marrom da Bahia pode até faturar com os momentos de puro irracionalismo das emoções à flor da pele de jogadores e torcida, mas os torcedores do tricolor sabem muito bem que é preciso separar o joranalismo sério do que visa somente causar uma reação imediata no torcedor para conseguir audiência.

Bahia tem o melhor ataque do Brasil em 2015

Comentários
Vivemos na época dos festejos que significa promoção que por sua vez pode gerar dividendo, portanto o negócio é vender seu peixe, supervalorizar seus feitos e tocar seu barco para frente. E assim faz o Esporte Clube Bahia que atualizou seus dados da temporada 2015 e agregou nele a marca importante do ataque do Bahia.

O tricolor ontem contra o CBR, completou 54 jogos oficiais em 2015 com uma campanha de 27 triunfos, 16 empates, 10 derrotas, 90 gols marcados, 55 sofridos, saldo de 35 e aproveitamento de 59,88%. – Com 90 gols marcados, o Bahia tem o melhor ataque do Brasil, em todas as divisões ( A, B, C e D), seguido por Sport (86), Botafogo (83), América-RN (82) e Ceará (81).

A imprensa marron e a cova do futebol baiano

Comentários
Chega às raias do ridículo a forma que um tal de “boca de latrina”, suposto jornalista da TV e do Rádio, tenta desmerecer o nosso Bahia. Todas as manchetes sobre o Bahia vêm com algo de escárnio e tendencioso. Ao contrário, pela própria falta do exigível profissionalismo, são só loas ao time do aterro. O que pensa, se é que pensa, esse camarada e seu “staff”? ntretando, não é só esse descompreendido que age assim.

Ainda ontem, assistindo ao jogo do Bahia, no canal fechado, os narradores do jogo estavam indóceis com o desempenho do Tricolor. Quando o Bahia marcou o primeiro gol, esse pessoal quase morreu de raiva pois o lance foi irregular. Tudo bem que eles reclamaram de um panalty sobre o Max, não marcado pela arbitragem. Entretanto, eles deitaram a falação no “prejuízo” do time alagoano. Ora bolas, quando o Bahia é prejudicado solenemente, a gente não percebe esse desconforto dos “jornalistas”. Outro aspecto foi que quando o CRB empatou, o tal do Canízio vibrou como se fosse um torcedor de arquibancada mas não tardou e o castigo veio a galope, com o time do aterro sofrendo o golpe de misericórdia no final do jogo lá em Bragança Paulista. Viram a cara de enterro que eles estavam hoje no Jornal da Manhã? Pior é que nem fizeram alusão ao gol do vice que foi em completo impedimento.

Tem também um tal Martinho Lélis, na Rádio, que se diz gostar de "soltar o pavão", que ontem estava querendo, porque querendo, inflamar a torcida contra o Pitone que ao final do jogo, tirou a camisa, presenteou a um torcedor e num gesto próprio de desabafo junto a galera, bateu no braço no sentido de dizer que tinha o sangue tricolor, chegando até a chorar de emoção. Pois o tal "comentarista" "soltador de pavões", insistia em dizer que o cara dera uma "banana" para a torcida e que a alta cúpula Tricolor precisava punir o tal gesto obsceno.

O seu colega na margem do campo, prontamente, presenciou tudo e tentou desfazer a bobagem dele informando-o de que não havia acontecido nada daquilo. Ele ficou todo sem graça e começou a tentar se refazer mas ficou com a cara de tacho! Sem vergonha!

Esse pessoal vicentino, que tem o microfone na mão, está de sacanagem com o Bahia tentando a qualquer preço, sob qualquer pretexto, desestabilizar o Bahia.
Vão se poucar nos infernos rebanho de miseráveis!

Paulinho Fernando - Torcedor do Bahia e amigo do BLOG

Série B continua um caminhão cheio de japonês

Comentários
A 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro começou e terminou nesta terça-feira (1º) com muitas mudanças na tabela de classificação e a mais significativa, fica com o retorno do Botafogo para a ponta da tabela, roubando do Esporte Clube Vitória a condição de líder que ostentava já pela quinta rodada consecutiva. O Sampaio Corrêa-MA voltou a chatear e agora é terceiro colocado, enquanto Bahia depois de uma seqüência de empates ( comemorados, diga-se) venceu o CRB pelo placar de 3 x 2, com um gol no final da partida voltou ao G4 e assim, evitou a proclamação da Republica do Deus me acuda. 

Triunfo, G4 e vergonha. Bahia 3x2 CRB

Comentários
Ufa! Essa é a melhor expressão pra definir o que foi Bahia e CRB. Sinceramente, não vou usar a famosa expressão: brilhou a mística Estrela do Bahia. Seria imoral. Buscar no passado glorioso do Tricolor, a nossa mística de vencer grandes confrontos no final, para falar de um jogo contra o CRB, seria uma vergonha. 

O Bahia fez um primeiro tempo dando a impressão de que as coisas melhorariam. Com uma boa pressão no início do jogo, mais posse de bola e dominando as ações, tudo levava a crer que o emprego de Sérgio Soares seria mantido. E a pressão foi premiada. Pena que num lance irregular. Num belo lançamento de Hainer, Kieza (o salvador de SS) brocou e o juiz validou. 1x0. E fim de primeiro tempo. 

Melhores momentos de Bahia 3 x 2 CRB

Comentários
As duras penas e com as habituais dificuldades, o Esporte Clube Bahia venceu atuando na Arena Fonte Nova, o Clube de Regata Brasil pelo pelo placar de 3 x 2. Após abrir 2 a 0, o Bahia sofreu o empate, mas aos 48 do segundo tempo, conseguiu marcar o terceiro o gol e levar os três pontos. Com o resultado, Esquadrão chegou aos 38 pontos e subiu para a quarta posição na tabela de classificação da Série B.

Veja os melhores momentos

Bahia 3 x 2 CRB: Técnico Sérgio Soares explica

Comentários
O Técnico Sérgio Soares sobreviveu no cargo de técnico do Bahia, entanto, ainda que diga sobreviveu, nenhum indicativo apontava pela demissão do técnico na hipótese de fracasso contra o time alagoano ontem à noite. Vaiado no estádio antes, durante e até depois da partida, o técnico na tradicional entrevista coletiva falou sobre o jogo o inconformismo do torcedor do Bahia.

terça-feira, 1 de setembro de 2015

No sufoco! Na raça! Bahia vence o CRB e retorna ao G-4

Comentários
Com o retorno da tradicional rede "véu de noiva" nas balizas, formato que marcou várias glórias do tricolor baiano na antiga Fonte Nova, o Bahia fez as pazes com os triunfos, bateu o CRB no sufoco por 3 a 2 e retornou ao G-4. E olha como o futebol é interessante. Estávamos a 4 jogos sem vencer, 4 empates consecutivos. Com o triunfo, agora estamos a 7 sem saber o que é ser derrotado.  

Com a saída de Alexandro para entrada de Zé Roberto, o time teve outra dinâmica no setor de ataque, apesar dos excessivos erros de passe do atacante. O trio Kieza, Maxi e Zé Roberto se movimentou bastante procurando espaços na defesa do CRB. O Bahia foi muito superior no primeiro tempo, sofreu um pouco com a falta de criatividade, talvez por conta da ansiedade em balançar as redes, mas foi consistente, conseguiu produzir, pressionou nos minutos iniciais e foi para o intervalo com a vantagem mínima no placar.

A melhor chance da primeira etapa saiu dos pés de Maxi Biancucchi, em lance polêmico. O argentino recebeu a bola na área, recebeu um toque do defensor, mas permaneceu em pé e finalizou em cima do goleiro. Como não existe vantagem em pênalti, errou o juizão. Porém, o erro foi "compensado". Aos 34 minutos, Hayner cruzou e Kieza - em posição irregular - finalizou de primeira vencendo Júlio Cesar. 1x0.

No segundo tempo, aconteceu o que eu temia. O Bahia se acomodou, recuou, deu espaços e deixou o CRB jogar. Atrás no marcador, o time alagoano foi em busca do empate e sufocou o Tricolor, até que em um contra-ataque rápido aos 11 minutos, Maxi recebeu livre na direita, avançou e cruzou para Kieza ampliar para o Esquadrão. 2x0. Com a vantagem no placar, o time continuou no campo de defesa, e acabou castigado, novamente em jogada de bola aérea. Vinha batendo nessa tecla aqui, a deficiência da equipe em bolas alçadas na área, e se repetiu. Cañete bateu escanteio, Josa subiu sozinho e diminuiu. 2x1.

O final do jogo foi um sofrimento daqueles, um teste para cardíacos. O CRB dominou o time tricolor, pressionou e foi em busca do segundo gol. Aos 41 minutos, Pery cruzou da esquerda e o zagueiro Gabriel completou de primeira para a rede de Douglas Pires. O Bahia só acordou após tomar o empate e foi para o tudo ou nada, mais na base da vontade do que da organização tática, e no apagar das luzes, Kieza ajeitou e Gustavo Blanco mandou de esquerda no canto do goleiro Júlio César. Apesar do triunfo por 3 a 2, os jogadores e o técnico Sérgio Soares saíram de campo vaiados pela torcida. Jogando bem ou mal, o importante foi os 3 pontos. Melhor vencer jogando feio, do que perder jogando bonito. BBMP! 

Bahia 3 x 2 CRB: Veja todos os gols da partida

Comentários
O Bahia está de volta ao G4 do Campeonato Brasileiro da Série B. Jogando hoje à noite na Arena Fonte Nova, o tricolor de aço, derrotou o CRB pelo placar de 3 x 2, e assim, agora com 38 pontos assume o quarto lugar, atrás do Vitória Botafogo e Sampaio Correa. Na próxima rodada, o adversário será o Paraná Clube

Veja os gols

Bahia 2 x 1 CRB AO vivo pela Série B – 1/9/2015

Comentários
Veja o jogo ao vivo entre Bahia x CRB que acontece nesta terça-feira (1-9-2015), às 20h30, na Arena Fonte Nova em Salvador (BA) válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B edição 2015. Confira os links das emissoras de Rádio/TV, que prometem transmitir o confronto

Veja os links

Bahia escalado para o jogo contra o CRB na Fonte nova

Comentários
O Esporte Clube Bahia tenta nesta terça-feira de rodada cheia do Brasileiro da Série B quebrar a seqüência de atrasos que lhe conduziu para a sétima posição da competição. Jogo importante aonde o triunfo vai além do natural avanço na tabela, servirá, sobretudo para acalmar os espíritos e abrandar certo pessimismo que se abateu sobre o torcedor do Bahia após cinco jogos sem triunfo e uma eliminação vergonhosa da Copa Sul-Americana. 
O time que entra em campo já foi escalado pelo técnico Sérgio Soares e terá a seguinte formação